A superação e perda de peso de Irene

- POR Maria Rocha

Vamos começar a segunda-feira com mais uma história para motivar a gente! Irene decidiu emagrecer porque seu peso estava sobrecarregando seu joelho, queria engravidar e não podia continuar com aquele peso que estava! Ela colocou sua saúde em primeiro lugar e conseguiu chegar aonde queria! Para perder peso, não é necessário fazer nenhuma dieta maluca, até porque com elas o nosso peso volta todo! Como sempre digo, temos que fazer um dieta dentro da nossa rotina, nossa realidade, e fazer com que ela se torne um estilo de vida. Não podemos ser reféns do nosso próprio corpo, e sim usá-lo como aliado.

Irene, obrigada por servir de exemplo para muitas de nós, é com orgulho e muito prazer que conto sua historia aqui no Papo Gula.

image-26

1) O que fez com que decidisse perder peso?

Tive problemas no joelho ao voltar à academia e o ortopedista me disse que era por conta do peso a mais que eu estava carregando. Fiquei arrasada. Foi quando eu e meu marido também decidimos que queríamos “engravidar” e pensei que não poderia ser do jeito que estava. Que eu precisaria corrigir meus hábitos para ter uma gravidez saudável e para não ter mais trabalho de voltar ao meu corpo quando tivesse filho.

2) Como colocou o plano em prática? Teve ajuda profissional?

Primeiro eu comecei a seguir vários perfis de meninas com o estilo de vida saudável e copiei muitas receitas. Quando percebi que estava dando certo, comecei o treino funcional. Consegui diminuir mais 3 quilos e travei por mais de um mês, foi quando resolvi abrir um diário alimentar no Instagram e procurei uma nutricionista. Hoje meu treino e minha alimentação são totalmente controlados. Tudo na medida indicada. Estou desde o mês de abril fazendo minha R.A. Só agora ficou mais visível para as pessoas a minha mudança.

3) Em quanto tempo perdeu o peso? Quais exercícios te ajudaram?

Faço o treino funcional 3 vezes por semana por uma hora. Nos outros dias faço caminhada, mas não é sempre. Meu ritmo de treino é menor por conta do pouco tempo que tenho livre, nos outros dias faço tratamento estético, que é sempre bom pra auxiliar na perda de peso, firmando e eliminando as celulites.

4) Como mantém o peso? Já teve recaída?

Sempre fiz dietas loucas, emagrecia e no mês seguinte ganhava tudo novamente. Como não quero passar por isso, me tornei 10 vezes mais vigilante. Se em um dia eu como algo fora da dieta, no dia seguinte passo o dia regrada tentando recuperar. O que não quero é regredir. Depois que descobri que consigo emagrecer e manter, não caio mais nessa furada de “já engordei mesmo… agora vou enfiar o pé na jaca”. Eu tenho pavor quando a balança mostra um aumento. Todos os dias pela manhã eu fico checando. Sei que o peso não é um exato indicador de que a dieta está dando certo, já que também estou ganhando massa magra no processo e ela pesa um pouco mais, mas estou em busca do meu peso ideal, por isso ainda preciso baixar um pouco mais de 3kg. Estou indo devagar, para não forçar e desistir.

5) Dica de ouro pra quem quer mudar de estilo de vida.

Você tem que querer. E tem que estabelecer pequenas metas. Quando eu colocava na cabeça que queria perder 10kg, eu ficava louca quando via que demorava. Então coloquei metas menores de 1 em 1kg e quando conseguia era um incentivo a mais para continuar. E não desista quando tudo não acontecer da forma que acontece com os outros. Todas temos organismos diferentes. Não tem como comparar.

Para contar sua historia, é só mandar email para maria@papogula.com.br, você também pode servir de exemplo e motivação para muita gente!

Beijos,

Maria


Papo Gula no


2017 © Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: mufasa
O Papo Gula utiliza imagens criativas arrematadas em pesquisas diárias para a elaboração dos posts. Portanto, ressaltamos que algumas imagens não são de nossa autoria ou cedidos formalmente para utilização no site. Por favor entre em contato pelo nosso formulário caso seja o autor de alguma imagem utilizada e gostaria que a mesma fosse removida. ;)